ana_cristina_haja_manha.jpg
celeste_martins_cais_da_gilao.jpg
ruben-silva-acordar-na-gilao.jpg
fernando_jose_coliseu_da_musica.jpg
jorge_sampaio_do_lado_de_ca.jpg
sergio_goncalves_ontem_hoje_do_fado.jpg
lilia_martins_clube_magico.jpg

Que cuidados devo ter na compra de um carro usado?

Versão para impressão PDF

DECO - Delegação Regional do AlgarveCONSULTÓRIO DO CONSUMIDOR / DECO

"Que cuidados devo ter na compra de um carro usado?”

A DECO INFORMA…

Depois de um longo período em que as vendas de automóveis passaram um período de crise, o ano de 2014 terminou com um balanço positivo. Contudo, muitos consumidores procuram cada vez mais o mercado dos carros usados na busca de um bom negócio.

Um carro usado pode ser uma boa opção, mas exige cautelas redobradas quanto ao seu estado, garantia e, se aplicável, financiamento. Sendo um bem que não se encontra no estado original é essencial ter uma ideia da sua qualidade, preço e das garantias antes de comprar.

A verdade é que a garantia é um dos principais motivos de conflito. Em Janeiro de 2007, a DECO denunciou muitos standes com práticas restritivas dos direitos do consumidor. Conscientes desta realidade, oito anos depois, voltámos a investigar 100 standes de carros usados. No entanto, neste aspecto, nada mudou. Muitos standes falham na informação obrigatória e violam a lei nas condições de garantia. A venda sem garantia, a exclusão de peças e as limitações de quilometragem são infracções graves que exigem uma fiscalização urgente.

Recordamos que a garantia dos bens móveis usados não é diferente da que protege os novos. Novos ou usados, os automóveis têm direito a dois anos de garantia a partir da data de compra desde que o contrato seja celebrado com um comerciante. A única diferença face aos carros novos é a possibilidade que a lei prevê de se acordar um prazo mais reduzido para a sua validade, que nunca poderá ser inferior a um ano.

Acresce que a venda sem garantia ou com um prazo inferior a um ano não é uma opção permitida por lei. Ainda que seja aceite pelo comprador, não é válida e este pode exigir a aplicação da garantia em caso de problemas.

Tendo as conta o desrespeito pelos direitos dos consumidores, comunicámos os resultados à ASAE e ao Ministério da Economia, uma vez que urge apostar na profissionalização e fiscalização do sector.

DECO-Delegação Regional do Algarve

Emissão em Directo (player 1)

Emissão em Directo (player 2)

Facebook Rádio Gilão

Contacte-nos

Largo de Santa Ana nº 1 - Tavira

 

8800-701 TAVIRA

 

Tel: +351 281 320 240

 

Fax: +351 281 325 523

 

Email: radiogilao@net.vodafone.pt

Siga-nos

facebook twitter instagram
youtube linkedin

Utilizamos cookies no nosso website para melhorar o desempenho e a sua experiência como utilizador. Para saber mais sobre os cookies que usamos e como apaga-los, consulte nossa Politica de cookies.

Aceitar cookies deste site.