radiogilao.jpg

Quando vou a uma consulta médica já não trago a receita em papel?

Versão para impressão PDF

DECO - Delegação Regional do AlgarveCONSULTÓRIO DO CONSUMIDOR / DECO

"Quando vou a uma consulta médica já não trago a receita em papel?"

A DECO INFORMA…

Desde o passado mês de abril que as receitas médicas em papel deram lugar à prescrição por via eletrónica. Por força de Despacho do Ministério da Saúde, a chamada receita sem papel adquiriu caráter obrigatório para todas as entidades do Serviço Nacional de Saúde.

A nova receita contém um número de referência e um código de acesso e dispensa. Além disso, inclui um código de direito de opção, que permite ao utilizador optar por qualquer medicamento com a mesma denominação comum internacional, forma farmacêutica, dosagem e tamanho de embalagem similares ao prescrito.

Esses dados, fornecidos apenas ao utente, são-lhe disponibilizados através de mensagem de texto em telefone móvel, comunicação eletrónica, ou mediante entrega de documento de guia de tratamento.

É com aquela informação, obtida através daqueles meios, e com a apresentação do seu cartão do cidadão, que o utente adquire os medicamentos na farmácia. O documento de identificação apenas funciona como meio de reconhecimento do utente, não ficando a receita ali guardada.

Excecionalmente, as receitas em papel podem continuar a existir em determinadas situações, como sejam falhas dos sistemas informáticos e consultas realizadas em domicílio.

Com este sistema, no ato da dispensa, o utente poderá optar por aviar todos os fármacos prescritos ou apenas parte deles, podendo levantar os restantes em data e estabelecimento diferente. Os doentes crónicos, por exemplo, passam mesmo a poder levantar medicamentos diretamente na farmácia, sem necessidade de se deslocarem antes ao serviço de saúde.

A DECO aplaude esta desmaterialização da receita médica. Além de facilitar a vida dos utentes, promete um combate à fraude, enquanto processo mais eficaz e seguro de controlo de emissão e dispensa de produtos de saúde. Por outro lado, a medida apresenta uma preocupação ambiental, na medida em que pressupõe uma diminuição drástica do papel em circulação.

DECO-Delegação Regional do Algarve

Emissão em Directo (player 1)

emissao online

Emissão em Directo (player 2)

Facebook Rádio Gilão

Contacte-nos

Largo de Santana nº 1 - Tavira

 

8800-701 TAVIRA 

 

Tel: +351 281 320 240

 

Fax: +351 281 325 523

 

Email: radiogilao@net.vodafone.pt

Siga-nos

facebook   twitter   buzz
RSS feed   twitter